Mais de 4 mil quilos de carne são doados para entidades assistenciais de 22 municípios

Brasil usa óleo de manjericão para controlar lagartas
7 de dezembro de 2020
Empresa renomada no agro abre vagas para auditor de campo em 10 estados
9 de dezembro de 2020

Mais de 4 mil quilos de carne são doados para entidades assistenciais de 22 municípios

– Foto: Arte/Seapdr

Publicação: 07/12/2020 às 15h32min

 Lares de Idosos, Casas Lares, Hospitais de Caridade, Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae´s), Associações Beneficentes, Pastoral da Criança, entre outras entidades assistenciais de 22 municípios gaúchos, receberam entre os dias 30/11 e 02/12 a doação de 4.185 quilos de carne bovina, após abate sanitário sem comprovação de origem.

As doações foram realizadas pela Supervisão Regional de Santa Rosa da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr) para 54 entidades.

“Gostaríamos de agradecer a iniciativa do Departamento de Defesa Agropecuária, que com sensibilidade e empatia fez com que essa importante doação pudesse ser efetivada em prol do hospital São Vicente e do Asilo Santo Antônio. Essa doação será extremamente importante para o nosso setor de nutrição e para mantermos a alimentação de nossos pacientes”, destacou a assistente social do Hospital São Vicente de Paulo de Cruz Alta (HSVPCA), Fátima Bronzatti.

O Hospital Campina, de Campina das Missões, também destacou a importância da iniciativa. De acordo com o Presidente do Hospital, Amândio Rohrig, “a doação de alimentos é fundamental para viabilizar e fortalecer a capacidade de atendimento, para fins de assistência e enfrentamento da pandemia”.

Os municípios beneficiados com a doação foram:

  • Regional Santa Rosa: Alecrim, Alegria, Boa Vista do Buricá, Campina das Missões, Campo Novo, Cândido Godói, Crissiumal, Giruá, Humaitá, Horizontina, Porto Lucena, Porto Mauá, Santa Rosa, Santo Cristo, Três de Maio, Tucunduva e Tuparendi;
  • Regional Palmeira das Missões: Três Passos;
  • Regional Alegrete: Alegrete;
  • Regional Cruz Alta: Cruz Alta;
  • Regional São Luiz Gonzaga: São Luiz Gonzaga e Santo Ângelo.

Segundo o supervisor regional de Santa Rosa, Gustavo de Araújo Marchand, a regional de Santa Rosa, só neste ano de 2020, já fez quatro doações para entidades beneficentes.

A operação

A operação da Secretaria da Agricultura ocorreu através do Programa Sentinela, em parceria com a Brigada Militar. Duas propriedades nos municípios de Santa Rosa e Porto Mauá foram fiscalizadas e os produtores não conseguiram comprovar a origem dos bovinos. A legislação determina que caso o produtor não consiga fazer esta comprovação, deverá ser feito o abate, porque os animais nesta situação representam risco sanitário para o Estado do Rio Grande do Sul. O abate foi feito em frigorífico com inspeção sanitária estadual e respeitando os preceitos de bem-estar animal.

Fonte: https://www.agricultura.rs.gov.br

 

 

 

Os comentários estão encerrados.